Qual o espaçamento necessário para o plantio de Mogno Africano?

Tempo de leitura: 3 minutos

O Mogno Africano é muito visado entre os produtores de madeira pela facilidade em plantio, os baixos custos e a rentabilidade gerada. O mercado para venda desse tipo de matéria-prima também é vasto: os diferentes tamanhos de prancha da produção gerada atendem diferentes nichos rentáveis para o produtor. Entretanto, o espaçamento em seu plantio tem dividido opiniões entre os donos de grandes florestas de mogno.

Não há dados concretos em relação ao espaçamento correto, cada produtor escolhe durante o plantio com base nas vantagens de cada indivíduo gerado. Normalmente são escolhidos entre 3×2 e podem chegar até 5×5, podendo influenciar em alguns fatores; por isso, é preciso estipular o mercado desejado para depois iniciar o plantio das mudas.

Saiba mais sobre os espaçamentos mais usados e veja qual o melhor.

Espaçamento 3×2



O espaçamento 3×2 é muito usado hoje, e promove um desenvolvimento satisfatório: chega a cerca de 3 a 4 metros de altura em dois anos de crescimento. Apesar de possuir menos problemas com galhos, há uma competição entre os indivíduos pela luz solar e isso pode comprometer a formação das pranchas futuramente.

Espaçamento 4×4



Já a distância de 4×4 traz maior conforto para o crescimento das árvores, que não precisam competir para obtenção de luz solar. Ainda assim, possuem ótimo crescimento e desenvolvimento de copa, mesmo que não ocorra essa disputa. É possível produzir pranchas maiores, pelo diâmetro alcançado e também em menores ciclos de corte. O produtor perde um pouco de suas terras pelo espaçamento mas é recompensado pela produtividade.

Espaçamento 5×4



A metragem de 5×4 não é a mais usada. Há produtores investindo em seis metros de distância e assim por diante. Obviamente, aquele que opta por essa configuração de plantio acaba por perder muito espaço em suas terras. Isso a troco de poucas diferenças, pois o diâmetro das árvores não irá crescer tanto a mais em relação à metragem 3×2, por exemplo.

Depois de analisarmos os prós e contras em relação aos tipos de espaçamento, podemos entender que os extremos não são tão interessantes para você que é produtor. O que isso significa? Fazer distâncias muito pequenas ou muito grandes da hora do plantio das sementes pode não dar resultados tão bons para o produtor.

A aposta que mais se encaixa é a 4×4, pois apresenta um espaço regular entre os indivíduos, mesmo que as outras medidas também apresentem suas vantagens específicas. Esse tipo de distância abraça um desenvolvimento bom para a sua floresta de Mogno Africano, isso tudo sem recorrer a um crescimento muito apertado entre as árvores ou estabelecer longas espaçadas entre uma e outra, perdendo espaço.

Agora você já sabe qual é o espaçamento necessário para o plantio de Mogno Africano, que dá maior aproveitamento em diferentes nichos da indústria sem perder espaço ou produtividade em suas terras. Como já dissemos, não há um número certo de espaçamento, porém, esse é o que indicamos como melhor para a sua produção.

Ficou interessado? Descubra como lucrar contribuindo com o meio ambiente tornando-se um investidor florestal. Acesse agora o site.

Sobre Radix Investimentos Florestais

A Radix visa democratizar os investimentos florestais tornando-os acessíveis e assim propiciar que mais pessoas usufruam de seus benefícios. Nosso crowdfunding florestal é um investimento que gera ganhos financeiros, ambientais e sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *